Canônico – Sullust é um planeta vulcânico, cheio de rochas negras, rios de lavas e lagoas de ácido. A fauna é pequena, mas muito agressiva e perigosa. Os habitantes do mundo são os sullustanos, que vivem em cidades subterrâneas para sobreviver a superfície tóxica e letal.

Durante as Guerras clônicas, Sullust havia se unido aos Separatistas. A República lançou um pesado ataque contra o mundo e destruiu a frota separatista que o defendia. Os sullustanos não ofereceram resistência.

Durante o período imperial, Sullust foi transformado num importante centro de produção de armas e de extração de combustível. Depois de anos de exploração e de escravidão, um pequeno grupo rebelde surgiu, sobre o comando do sullustano Nien Nunb, e resistiria a ocupação imperial até uma invasão da Aliança Rebelde ocorresse após a Batalha de Hoth. Depois de um longo e sangrento cerco, Sullust foi totalmente libertado do controle imperial. O planeta foi usado como ponto de encontro pela Aliança para iniciar seu ataque contra as forças imperiais em Endor.

Trinta anos depois, Sullust fazia parte da Nova República até a destruição desta pela Primeira Ordem. Não se sabe a situação atual do planeta.

Legends – Durante as Guerras Clônicas uma frota sullustana se uniu aos separatistas e obteve uma grande vitória contra a República em Foerost. Já na Guerra civil Galáctica, os sullustanos se revoltaram contra o controle do Império e o expulsaram do sistema após um longo conflito. Sullust se mantéu neutro durante o resto da guerra e nunca se juntou a Nova República.

Fonte: Star Wars – The Essential Atlas (livro).

ABOUT THE AUTHOR

Também conhecido como "Grievous". Membro do CJSP e fanático por Star Wars desde criança.